Página Inicial » Destaques » In Memoriam de Maria do Rosário Vieira

In Memoriam de Maria do Rosário Vieira

MARIA DO ROSÁRIO VIEIRA
(1947-2020)

No dia 18 de Abril de 2020 faleceu a Dra Maria do Rosário Vieira, uma das primeiras médicas especialistas em Medicina Nuclear em Portugal.

A Dra Maria do Rosário foi uma entusiasta da Medicina durante toda a sua vida. Nunca o seu interesse pelo saber esmoreceu. A vontade de fazer mais e melhor, de integrar o que era novo e de levar os serviços onde trabalhava mais além, esteve sempre presente.

A sua carreira médica começou pela Gastrenterologia, tendo abraçado a Medicina Nuclear no início dos anos 80. Foi nessa altura que veio trabalhar para o Instituto Português de Oncologia de Lisboa, que se tornou a sua casa durante cerca de 25 anos.

No desenvolvimento do Serviço de Medicina Nuclear do IPO de Lisboa foram determinantes o seu trabalho e a sua visão. Foi dos primeiros serviços em Portugal a acolher o Internato Complementar de Medicina Nuclear da Carreira Médica Hospitalar e a sua contribuição para a formação de especialistas em Medicina Nuclear foi determinante na área de Lisboa e sul de Portugal. Foi o primeiro serviço público a instalar a tecnologia PET e também o primeiro a obter a Certificação de Qualidade pela Norma ISO:9001.

Impulsionou a presença científica do serviço a nível internacional, com colaboração de elementos do serviço em vários grupos da EAMN e foi a criadora do primeiro encontro de Medicina Nuclear regular a nível nacional, o Curso de Divulgação de Medicina Nuclear.

Dinamizou a Sociedade Portuguesa de Medicina Nuclear (SPMN), tendo estado no pequeno grupo responsável pela autonomização da SPMN em relação à Sociedade de Ciências Médicas, iniciativa esta que permitiu o crescimento e a evolução para uma sociedade científica mais moderna. A Dra Maria do Rosário percebeu desde cedo a importância do papel da SPMN no contexto nacional e na representação de Portugal em fóruns internacionais como a European Association of Nuclear Medicine (EAMN) e a World Federation of Nuclear Medicine and Biology (WFNMB). Foi Presidente da SPMN durante três mandatos (1995-1997, 1997-1999 e 2004-2006).

As suas qualidades pessoais granjearam-lhe inúmeros amigos, que a acompanharam nas várias fases da sua vida, e que testemunharam a sua grande dedicação à família, o seu gosto por viver uma vida boa e cheia, a sua curiosidade e conhecimento cultural.

Será para sempre lembrada por todas estas razões e pelo lugar único que construiu na Medicina Nuclear Portuguesa.

Lucilia Salgado

Check Also

Medicina Nuclear em Tempo de Pandemia – 13 Maio 2020 – Parte II

Em sequência da primeira parte do webinar “Medicina Nuclear em Tempo de Pandemia, é retomada …