Página Inicial » Destaques » Dia Mundial de Sensibilização para os Tumores Neuroendócrinos

Dia Mundial de Sensibilização para os Tumores Neuroendócrinos

Promovido todos os anos a 10 de novembro desde 2010, o Dia Mundial de Sensibilização para os Tumores Neuroendócrinos serve o propósito de alertar e sensibilizar toda a comunidade para os tumores neuroendócrinos. Destina-se a doentes, cuidadores e familiares, mas também a profissionais de saúde, investigadores, indústria farmacêutica e a todos quantos, de uma forma ou outra, testemunham a complexidade de uma doença que assume tantas formas quantos os doentes, tornando-a única e irrepetível. Esta característica inspirou a escolha do que se tornaria o símbolo destes tumores, baseada na zebra e no padrão da sua pelagem, mas é também muitas vezes apontada como uma das principais causas de um diagnóstico tardio.

A complexidade clínica exige naturalmente um conjunto diverso de profissionais de saúde que, recorrendo à avaliação de sinais e sintomas e à interpretação de exames de diagnóstico, permite conhecer a doença de um determinado doente, prever o seu comportamento no futuro e, com todas essas informações, escolher o melhor tratamento, ou a melhor sequência de tratamentos, e a melhor estratégia de seguimento.

Multidisciplinar é um termo muitas vezes repetido quando se fala em tumores neuroendócrinos. De facto, são várias as especialidades médicas que avaliam os doentes com este diagnóstico, que pode incluir a Cirurgia, a Gastroenterologia, a Oncologia, a Endocrinologia, a Pneumologia, a Anatomia Patológica, a Radiologia, a Patologia Clínica, a Medicina Nuclear, etc. Por sua vez, dentro de cada especialidade, são várias as profissões envolvidas, que inclui médicos, enfermeiros, assistentes operacionais, assistentes técnicos, dietistas, psicólogos, técnicos de diagnóstico e terapêutica, assistentes sociais, físicos, farmacêuticos, etc.

A Medicina Nuclear é uma especialidade médica que utiliza substâncias radioativas, denominadas de radiofármacos, no tratamento e, sobretudo, no diagnóstico de inúmeras patologias. Na vertente diagnóstica, recorre ainda a equipamentos, denominados de Câmaras Gama e de Tomógrafos para Tomografia por Emissão de Positrões (PET), para a aquisição de exames não invasivos de imagem, que refletem a distribuição de um determinado radiofármaco no organismo. Está profundamente envolvida nos tumores neuroendócrinos, uma vez que dispõe de radiofármacos capazes de identificar, com elevada sensibilidade, lesões provocadas por estes tumores. Técnicas como a Tomografia por Emissão de Positrões (PET) com análogos da somatostatina (ver Figura) marcados com gálio-68 (como por exemplo o 68Ga-DotaNoc) ou com glicose marcada com flúor-18 (18F-FDG) permitem, não só mapear a doença (identificar os locais do corpo afetados) mas também caracterizar as lesões (por exemplo, saber se expressam determinados recetores, tais como os recetores para a somatostatina, e/ou se apresentam aumento do consumo da glicose). Com a informação recolhida, que é depois integrada com os dados clínicos e com os resultados de outros exames, é possível escolher o melhor tratamento disponível e a melhor forma de seguimento. Nos casos em que a PET com 68Ga-DotaNoc identifica múltiplas lesões com elevada densidade de recetores para a somatostatina, abre-se a possibilidade de utilizar um radiofármaco para tratar essas lesões, radiofármaco esse que, por sua vez, também permite obter imagens, onde se identificam as lesões que estão a ser tratadas. Gera-se assim a possibilidade de selecionar para tratamento com radiofármacos, os doentes que apresentem lesões capazes de captar esse mesmo radiofármaco. Este conceito, designado como teranóstica, está alinhado com a medicina personalizada e visa dar o tratamento certo, ao doente certo no momento certo.

A Sociedade Portuguesa de Medicina Nuclear associa-se a este dia e deixa uma mensagem de apreço e de esperança para quem vive esta doença de uma forma próxima. Coloca-se ainda à disposição, para esclarecimentos genéricos, acerca do papel da Medicina Nuclear nos tumores neuroendócrinos, através do endereço de e-mail geral@spmn.org.

Pode encontrar mais informação acerca deste dia nos seguintes sítios da internet:

https://incalliance.org/download-net-cancer-day-ribbon/

https://www.carcinoid.org/go-zebra-striped/

Check Also

XVI Curso de Divulgação de Medicina Nuclear

Lisboa, Anfiteatro do IPOLFG – 20 de Novembro de 2020 O XVI Curso de Divulgação …